Tass Jazz | 10 a 15 Julho


FESTIVAL TASSJAZZ EM ODEMIRA

O melhor do jazz entre 10 e 15 julho

 
De 10 a 15 de julho, o melhor do jazz regressa a Odemira, com a 14ª edição do Festival TassJazz, que promove noites de qualidade, improviso e festa. Esta é uma aposta do Município de Odemira para diversificar e qualificar a oferta cultural da região, que tem conquistado o público desde a primeira edição.

 
O festival TassJazz será vivido entre o Quintal da Música e o Cerro do Peguinho, com entradas livres.

 
Workshops de cordas com Vasco Agostinho e Workshops de sopros com Rui Teixeira são as propostas para os dias 10 e 11 de julho, no Quintal da Música. Para os dias 12 e 13 de julho, a partir das 21.30 horas, haverá espetáculos pelos combos da Associação Jazz e Não Só!, com a participação dos músicos que dinamizaram os dois workshops.

 
Na sexta e sábado, dias 14 e 15 de julho, o Jazz subirá ao Cerro do Peguinho, sempre às 21.30 horas. No dia 14 de junho haverá a atuação de Afonso Pais & Rita Maria Duo e de Salvador Sobral Quarteto.

 
Para 15 de julho está agendada a atuação do Trio de Jazz de Loulé. O Festival terminará com a Ensemble Tass Jazz /Quarteto de Vasco Agostinho, numa apresentação especial para este evento.

Leia Mais

Homenagem Nacional aos Combatentes

Em exemplo de anos anteriores vem esta Comissão Executiva para a Homenagem Nacional aos Combatentes enviar em anexo convite para participação neste dia de Homenagem, bem como folheto informativo que solicitamos seja afixado e divulgado junto dos munícipes para que estes possam ter conhecimento e desta forma poderem, se assim o entenderem participar, nesta cerimonia.

Certos que dará a melhor atenção a este assunto, enviamos os nossos melhores cumprimentos.

O Presidente
Rui Alberto Fidalgo Ferreira
Tenente-General

 

Convite   |   Folheto Informativo

Leia Mais

INFORMAÇÃO | Toponímia e Numeração


Francisco António Caetano Lampreia, Presidente da Junta de Freguesia de Vila Nova de Milfontes, Concelho de Odemira.
INFORMA, toda a população residente na Freguesia, e na sequência do processo de aprovação de toponímia e numeração de polícia, de que só deverão fazer a alteração de morada no cartão de cidadão e dos registos do prédio nas Finanças e na Conservatória do Registo Civil, Comercial e Automóveis depois da colocação das placas de toponímia e da aprovação do estudo da numeração de polícia do arruamento, de modo a evitar constrangimentos na entrega de correspondência e sob pena de ter de alterar a morada e os registos duas vezes.

Vila Nova de Milfontes, 22 de maio de 2017

 

Pode consultar o pdf AQUI

Leia Mais